No final do ano passado, a Chevrolet prometeu 11 lançamentos para o Brasil ao longo de 2019, e a maior parte já está disponível. Conforme antecipou a Revista Carro na edição 307 de maio, as novidades incluem esportivos, hatches, sedãs e até SUVs.

O que já foi lançado

A primeira novidade foi o Camaro, que na verdade contou como dois lançamentos: cupê e conversível. Ambos chegaram em fevereiro. O Camaro é oferecido no mercado brasileiro somente na versão SS, com motor 6.2 V8 de 461 cv de potência e 62,9 kgfm de torque máximo, com um novo câmbio de 10 marchas, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos.

- Publicidade -

Em agosto foi a vez do Cruze, que ganhou linha 2020 com Wi-fi integrado. O modelo começa a ser vendido neste mês, sendo que ainda não teve seus preços revelados. Aqui também valem como dois lançamentos, já que a atualização visual e a adição de equipamentos se aplicam ao sedã e ao hatch Cruze Sport6, o único que restou no segmento de hatches médios no país.

Chevrolet Onix JoyNa sequência, foi apresentado o novo Onix Joy, que recebeu o visual do modelo que acabou de sair de linha – resultado da reestilização de 2016. Ele segue como a opção de entrada na família Onix. No caso do sedã Prisma, o nome será definitivamente aposentado, passando a se chamar Onix Plus Joy. A previsão é que ele chegue em outubro. Ou seja, pode contar como duas novidades.

Chevrolet Onix e Onix PlusAinda em setembro, tivemos o lançamento da nova geração do Onix, com a revelação do hatch e do sedã Onix Plus. Ou seja, são mais duas novidades de uma única vez. Os modelos contam com motor 1.0 aspirado ou o novo 1.0 turbo de três cilindros, com opções de câmbio manual ou automático de seis marchas. O sedã começa a ser vendido agora, então o novo Onix hatch chega às concessionárias apenas em novembro.

O que ainda está por vir

O modelo 100% elétrico da Chevrolet, o Bolt, tem sua vinda ao Brasil confirmada, devendo chegar com preços a partir de R$ 175 mil. A previsão é que ele seja apresentado em outubro. Segundo a fabricante, sua autonomia é de 383 km, indo de 0 a 100 km/h em 6s5.

- Publicidade -

Chevrolet Equinox MidnightQuem também tem sua chegada garantida é a versão Equinox Midnight, que virá em dezembro. Destacando-se pelo visual todo em preto, inclusive nos logotipos, traz motor 2.0 turbo de 262 cv e câmbio automático de nove marchas. Ainda resta dúvida se esta configuração ficará posicionada acima ou abaixo da topo de linha Premier no qus diz respeito ao preço.

E o 11º lançamento?

Este ainda é um mistério. Esperava-se que fosse a nova geração do SUV compacto Tracker. Porém, a expectativa é que este seja o novo modelo a ser fabricado na planta argentina de Santa Fe, que começará somente em 2021. Sendo assim, o SUV atualizado não deve chegar antes de 2020. Na edição de maio, a Revista Carro levantou a possibilidade de ser o Blazer XL, versão de sete lugares com 5 m de comprimento, produzida no México.

Qual é a sua aposta para ser o 11º lançamento da Chevrolet no ano?

Leia mais

Chevrolet Camaro Conversível: Brinquedo de gente grande!

Já dirigimos: Chevrolet Onix Plus Premier é bom, bonito e barato

Chevrolet Camaro SS Coupé: Pelo reinado das ruas

Novos Chevrolet Onix e Onix Plus: versões, preços e equipamentos

- Publicidade -
Share This