- Publicidade -

Posto de combustíveis gasolina etanol bomba foto Fernando Frazão/Agência Brasil

Dirigir com as janelas abertas é melhor ou pior? Veja o que é mito e o que é verdade na hora de economizar combustível

Com os preços dos combustíveis aumentando mês a mês, saber como economizar pode fazer muita diferença no orçamento no final do mês. Mas você sabe o que é mito e o que é verdade na hora de economizar combustível?

Acelerar de forma gradativa gasta menos combustível

- Publicidade -

Verdade. A condução faz toda a diferença no consumo de combustível e isso inclui acelerar gradativamente, trocar as marchas com atenção à rotação de torque máximo e não ficar freando e acelerando o tempo todo, especialmente em congestionamentos. Saber dosar a aceleração para não pisar fundo e frear bruscamente é essencial. Essas práticas não só ajudam na economia de combustível, mas também ajudam a preservar o motor.

Rodar com o veículo carregado não afeta o consumo

Mito. Todo peso transportado exige mais força do veículo, ou seja, demanda maior consumo de combustível. Isso vale para itens desnecessários levados dentro do carro ou até mesmo para os suportes como de bicicletas. Se eles não estiverem em uso, o ideal é retirá-los.

- Publicidade -

Escolher o lubrificante adequado ajuda a economizar

Verdade. A Motul explica que utilizar o lubrificante com as especificações recomendadas pelo fabricante auxilia na redução do consumo de combustível, observando a viscosidade correta e as normas exigidas pelo fabricante. No caso de um óleo com viscosidade mais alta, por exemplo, será necessário mais esforço do motor para mantê-lo em circulação, o que provocará aumento no consumo de combustível, além de dificultar a lubrificação e reduzir a vida útil do motor. Já se o motorista fizer uso de um óleo com menor viscosidade, isso implicará em um filme de óleo menor, o que pode não oferecer a lubrificação correta para o motor, reduzindo sua vida útil.

Circular de janelas abertas gasta menos combustível

Verdade, mas só na cidade. Isso se aplica na cidade, quando os veículos costumam trafegar em velocidade mais baixa. Daí vale desligar o ar-condicionado e circular de janelas abertas. Por outro lado, na estrada, é melhor usar o ar-condicionado, uma vez que a janela aberta provoca resistência aerodinâmica, exigindo mais do motor e aumentando assim o consumo de combustível.

Dirigir com pneus murchos não aumenta o consumo

Mito. Além do risco de acidentes, rodar com os pneus murchos aumenta o atrito entre o pneu e a pista, demandando mais força para movimentação do veículo. A recomendação é calibrar os pneus a cada sete a dez dias, sempre com os pneus frios, e seguir a recomendação no manual do fabricante do veículo.

Manter em dia a revisão do veículo reduz o consumo

Verdade. Estar com a manutenção preventiva em dia garante o funcionamento correto do veículo, o que consequentemente reduz o consumo de combustível. Velas, bobinas, cabos, filtros de ar e combustível precisam ser checados periodicamente, assim como o alinhamento das rodas deve ser realizado a cada 10 mil quilômetros.

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Share This