A Hyundai está preparando o lançamento da sua nova geração de motores movidos a células de combústivel de hidrogênio. Atualmente, o SUV Tucson é o modelo que oferece este tipo de propulsão na linha da marca coreana e possui uma autonomia de 426 km. De acordo com o site Autoblog, esta autonomia será ampliada em 30%.

Próximo Tucson a célula de hidrogênio terá autonomia de 560 km

O site diz que a companhia coreana vai lançar a segunda geração do Tucson movido a célula de combustível somente daqui a um ano. Até lá, espera-se que o modelo tenha uma autonomia de 560 km, o que o deixa mais atraente, neste aspecto, do que o Toyota Mirai, que percorre 502 km com o “tanque cheio”. Porém, ainda que impressione, os 30% a mais de autonomia do Tucson continuarão sendo menores que os 589 km que o Honda Clarity pode rodar. 

Aparentemente, o preço que um Tucson com a nova geração de motores a célula de combustível pode chegar é de US$ 50 mil (ou quase R$ 165 mil). 

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This