A Volkswagen revelou a linha 2019 do Polo e do Virtus e a grande novidade está no motor 1.6 MSI associado ao câmbio automático de seis marchas; confira os valores previamente levantados nas concessionárias pela CARRO. Ambos integram os 20 lançamentos da farbicante previstos até 2020, dentro do conceito da Nova Volkswagen. Tanto o Polo quanto o Virtus chegam às concessionárias para atender algumas demandas de mercado, por exemplo, como do público PCD (Pessoas com Deficiências).

Com a inclusão do novo câmbio, a gama do Polo passa a ter cinco versões: 1.0 MPI, 1.6 MSI manual de cinco marchas, 1.6 MSI automática, além das turbinadas Comfortline 200TSI e Highline 200TSI. A família Virtus é composta de quatro configurações: 1.6 MSI manual, 1.6 MSI automática, Comfortline 200TSI e Highline 200TSI.

Sob o capô e dados de desempenho

A grande estrela é a transmissão automática (AQ160-6F) de seis marchas. Ela está conectada ao motor aspirado 1.6 da família EA211 e foi projetada para carros equipados com motores transversais. O acoplamento é por conversor de torque, além de oferecer posição S (esporte), que altera o momento das mudanças de marchas, assim como também permite trocas sequenciais tanro pela alavanca quanto pelas borboletas atrás do volante.

O motor 1.6 MSI de quatro válvulas por cilindro (duas para admissão/duas para escape) possui duplo comando de válvulas com variação na admissão, coletor de escape integrado ao cabeçote e partida a frio sem tanquinho de gasolina, só para citar. A potência é de 117 cv (E)/110 cv (G), enquanto são 16,5 kgfm (E)/ 15,8 kgfm (G) de torque, ambos entregues a 4.000 rpm.

O Novo Polo MSI vai de 0 a 100 km/h em 10,5 segundos e chega aos 188 km/h de velocidade máxima (etanol), enquanto o Virtus MSI automático faz em 10s8 e chega aos 190 km/h de máxima, respectivamente.

Equipamentos de série e opcionais

Feitos em São Bernardo do Campo (SP), Polo e Virtus saem equipados de série com quatro airbags (dois frontais e dois laterais) e Isofix para fixação de bancos infantis. Além disso, também oferecem direção com assistência elétrica, ar-condicionado, faróis de dupla parábola, chave do tipo “canivete” com controle remoto, travas e vidros elétricos nas quatro portas (os dianteiros possuem função “um-toque” para abertura e fechamento), computador de bordo, para-sóis iluminados para motorista e passageiro, tomada de 12V, suporte para celular no painel com entrada USB para carregamento, banco do motorista ajustável em altura e sistema Media Plus, com entradas USB e SD-card, conexão Bluetooth, rádio AM-FM e leitor de arquivos mp3.

A lista de opcionais é composta de dois pacotes. O primeiro é o “Interatividade”, com o sistema de infotainment Composition Touch, “Park pilot” (sensores de estacionamento traseiros), roda de liga leve de 15” com pneus 195/65 R15 e retrovisores externos com ajuste elétrico e função “tilt down”. O segundo pacote, “Safety”, possui o Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC) e todos os recursos atrelados a ele, como Controle de tração (ASR), Bloqueio Eletrônico do Diferencial (EDS) e Assistente de Partida em subida/descida (HHC).

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This