Quem comparecer ao Salão do Automóvel de São Paulo 2018 que acontece do dia 08 a 18 de novembro poderá conhecer de perto o superesportivo McLaren Senna. Além dessa supermáquina, a McLaren irá expor também no Salão o carro de corrida de Fórmula 1 MP4/5 número 27 que o piloto Ayrton Senna ganhou numa aposta com Ron Dennis após vencer o GP de Monza em 1990.

Segundo a marca inglesa, o novo modelo é o carro de estrada mais rápido da empresa, atingindo velocidade máxima de 340 km/h e faz 0 a 200 km/h em apenas 6,8 segundos. Isso só é possível por conta do seu motor V8 bi-turbo, de 4 litros, com 800 cv e 81,57 kgfm de torque, sendo 71,38 kgfm disponíveis a apenas 7.000 rpm.

O veículo conta com tecnologias da Formula 1, como a Ignition Cut, sistema que provoca um corte momentâneo de centelha durante a mudança de uma das marchas para proporcionar trocas mais rápidas. O câmbio de sete marchas, com embreagem dupla e transmissão contínua fornece a tração do motor montado entre-eixos para as rodas traseiras.

Outra novidade é o sistema RaceActive Chassis Control II que reduz a altura do esportivo em movimento para melhorar a aerodinâmica. Os freios utilizam discos de cerâmica de carbono.

Por fora, a carroceria é de fibra de carbono e ostentam um sistema de escape com três canos que saem pelo deck traseiro liberando ineditamente os gases pelo lado de cima da carroceria. Já por dentro o volante de três raios é semelhante ao do modelo 720 S. Os mecanismos de abertura das portas e de acionamento das janelas estão em um console montado no centro do teto, onde ficam também outras funções como o comando para acionar e desligar o motor.

As 500 unidades que estão sendo produzidas em Woking, na Inglaterra, já foram vendidas por R$ 8 milhões cada uma. E é bom ficar de olho, pois três dessas unidades foram compradas por brasileiros.

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This