Quem comparecer ao Salão do Automóvel de São Paulo 2018 que acontece do dia 08 a 18 de novembro poderá conhecer de perto o superesportivo McLaren Senna. Além dessa supermáquina, a McLaren irá expor também no Salão o carro de corrida de Fórmula 1 MP4/5 número 27 que o piloto Ayrton Senna ganhou numa aposta com Ron Dennis após vencer o GP de Monza em 1990.

Segundo a marca inglesa, o novo modelo é o carro de estrada mais rápido da empresa, atingindo velocidade máxima de 340 km/h e faz 0 a 200 km/h em apenas 6,8 segundos. Isso só é possível por conta do seu motor V8 bi-turbo, de 4 litros, com 800 cv e 81,57 kgfm de torque, sendo 71,38 kgfm disponíveis a apenas 7.000 rpm.

O veículo conta com tecnologias da Formula 1, como a Ignition Cut, sistema que provoca um corte momentâneo de centelha durante a mudança de uma das marchas para proporcionar trocas mais rápidas. O câmbio de sete marchas, com embreagem dupla e transmissão contínua fornece a tração do motor montado entre-eixos para as rodas traseiras.

Outra novidade é o sistema RaceActive Chassis Control II que reduz a altura do esportivo em movimento para melhorar a aerodinâmica. Os freios utilizam discos de cerâmica de carbono.

Por fora, a carroceria é de fibra de carbono e ostentam um sistema de escape com três canos que saem pelo deck traseiro liberando ineditamente os gases pelo lado de cima da carroceria. Já por dentro o volante de três raios é semelhante ao do modelo 720 S. Os mecanismos de abertura das portas e de acionamento das janelas estão em um console montado no centro do teto, onde ficam também outras funções como o comando para acionar e desligar o motor.

As 500 unidades que estão sendo produzidas em Woking, na Inglaterra, já foram vendidas por R$ 8 milhões cada uma. E é bom ficar de olho, pois três dessas unidades foram compradas por brasileiros.

Pin It on Pinterest

Share This