Grupo FCA deixa de usar nomes Chrysler e Fiat em suas razões sociais

O grupo FCA anunciou nesta terça-feira (16) que os nomes Chrysler e Fiat não fazem mais parte da razão social do conglomerado. A filial americana do grupo agora atua como FCA US LLC (não mais Chrysler Group LLC) e na Itália como FCA Italy SpA (antes se chamava Fiat Group Automobiles SpA). As mudanças já entraram em vigor.

Esta é a primeira vez na história da Chrysler que o nome de seu fundador não se configurará na razão social da companhia. Walter P. Chrysler fundou a empresa em 1925.

Em um comunicado, a FCA US LLC garantiu “manter vivos os valores estabelecidos por Walter P. Chrysler, assim como a rica herança da Fiat que data desde 1899”. O responsável pela filial, Ed Garsten, explicou que a alteração faz parte dos planos desde a criação do grupo Fiat Chrysler Automobile neste ano. 

De acordo com o grupo FCA, esta medida representa uma das últimas etapas do conglomerado para construir uma nova imagem corporativa, enfatizando a organização global do grupo. Isto não afeta, porém, os nomes das marcas que fazem parte da companhia: Chrysler, Dodge, Jeep, Ram, Fiat e Alfa Romeo permanecem sem alterações. 

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This