C3 pode apresentar problemas na suspensão dianteira

A Citroën convocará a partir desta terça-feira (7) mais 3.769 unidades do hatch C3 para a segunda fase do recall que a fabricante realizou em dezembro do ano passado. Trata-se da manutenção do mesmo problema da suspensão dianteira do modelo.

Siga-nos: twitter.com/carroonline

De acordo com a companhia, “a dureza excessiva das buchas localizadas no interior dos braços da suspensão dianteira poderá ocasionar fissuras”, o que pode levar ao rompimento da peça, deslocando as rodas dianteiras com risco de causar acidentes e lesões graves.

Leia também:
VW Fusca pode ser salvo pela Índia e base do Golf
Túnel do tempo: Lambos Huracán e Miura se encontram
Audi Q3 muda de cara e ganha motor 1.4 turbo

A substituição dos braços da suspensão dianteira pode ser realizada em qualquer concessionária autorizada da Citroën. O serviço dura quatro horas.

 Os consumidores que já realizaram o reparo não precisam comparecer novamente à oficina. Em dezembro do ano passado foram chamadas 14.470 unidades do C3, 3.337 do C3 Picasso e 4.830 do Aircross para consertar o mesmo defeito.

A Citroën disponibiliza seu site e o telefone 0800 011 8088 para mais informações. Confira abaixo os chassis envolvidos no novo chamado (apenas modelos C3), bem como os outros envolvidos na campanha de 2014. 

MODELO DATA DE FABRICAÇÃO CHASSI
C3 complementar 20/5/2013 a 19/6/2013 EB512351 a EB520900
C3  19/6/2013 a 20/12/2013 EB515509 a FB500028
C3 Picasso 20/5/2013 a 20/12/2013 EB514158 a FB500020
Aircross 20/5/2013 a 20/12/2013 EB514624 a FB500030

 

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This