Entre os gêneros musicais, o Heavy Metal se destaca pela rapidez dos riffs de guitarra e das levadas de bateria. E se transportássemos essa virtuosidade para um esportivo? Eis o Audi RS3 Sedan. Igualmente rápido e impetuoso, semelhante ao estilo musical, é a versão mais radical da gama A3 Sedan. Como um ode ao desempenho, o Audi RS3 Sedan traz motor turbinado de cinco cilindros 2.5 e 400 cv de potência. É mais potente frente ao Mercedes-AMG CLA 45 (2.0 turbo de 381 cv) e ao BMW M2 (seis cilindros em linha 3.0 turbo de 370 cv).

Em relação ao A3 Sedan 2.0 TFSI, o RS3 Sedan é maior no comprimento (4.479 mm contra 4.456 mm), na largura (1.802 mm frente 1.796 mm) e no peso de 1.515 kg (1.320 kg no modelo “normal”). Entretanto, é mais leve que os representantes das divisões Mercedes-AMG (1.585 kg) e BMW M (1.570 kg), o que confe ao RS3 Sedan uma relação peso-potência de 3,78 kg/cv contra 4,16 kg/cv e 4,24 kg/cv, na ordem. No monobloco do Audi foram utilizados quatro tipos diferentes de ligas de aço e outras duas de alumínio, nylon e polímeros técnicos.

O arsenal do RS3 Sedan é disparado pelo motor de cinco cilindros mais potente em produção. Embora também esteja no TT RS existem particularidades, como na programação das trocas do câmbio S Tronic e na atuação das embreagens eletro-hidráulicas da tração integral. O turbocompressor do RS3 Sedan apresenta pouco lag e trabalha com 2,35 bar de pressão, enquanto o sistema de injeção direta usa 250 bar e a indireta, 6 bar. Já o sistema de exaustão do RS3 Sedan e do TT RS são iguais, mas diferentes, pois há distinções devido às singularidades de cada carro – comprimento, posição e dimensão dos tanques de combustível. E toda essa engenharia alemã é traduzida ao dar a partida.

Impressões ao dirigir o Audi RS3 Sedan
O RS3 Sedan acorda emitindo um berro e à medida em que a rotação cai o ronco grave e encorpado toma conta da cabine. Logo nos primeiros metros já é possível ter uma noção do que ele é capaz. Dirigindo-o calmamente no programa Comfort as marchas são passadas brevemente em torno de 1.500 rpm e na cidade é possível andar em sexta das sete marchas disponíveis.

Ao sair do Comfort para o programa Dynamic no Audi Drive Select a personalidade do RS3 Sedan muda da água para o vinho. Afinal, as respostas ao pedal do acelerador e da transmissão ficam mais ligeiras, a direção se enrijece e o ronco do cinco cilindros, mais presente. O sopro da turbina dá as caras em 2.500 rpm e, ao mudar as marchas acima de 4.000 rpm, pelas borboletas atrás do volante ou pela alavanca, “pipocos” são emitidos pelo escape. E que belíssima sinfonia produz este cinco cilindros.

Ao afundar o pé no pedal do acelerador o câmbio reduziu de sétima para a terceira num piscar de olhos e palmas para o competente trabalho da transmissão de dupla embreagem. Não é à toa que nas medições feitas em nossa pista de testes, o RS3 Sedan fez de 0-100 km/h em 4,25 segundos, enquanto o BMW M2 precisou de 4,75 segundos – o BMW possui tração traseira, enquanto no RS3 Sedan ela é integral. O motorista pode acompanhar no quadro de instrumentos totalmente digital (Audi Virtual Cockpit) o quanto de potência e de torque estão sendo utilizados. Só para você ter uma ideia, na estrada, indo a 120 km/h em sétima marcha são enviados 8% de potência e 3% de torque. Além do Comfort e do Dynamic ainda existe o Individual o qual deixa o motorista configurar o carro ao seu gosto.

Outra capacidade do Audi está no contorno de curvas. Se por um lado as suspensões firmes penam no asfalto esburacado, por outro elas deixam o RS3 Sedan grudado no chão. O conjunto é composto de molas/amortecedores específicos e braços triangulares inferiores de alumínio forjado. Comparado ao S3 Sedan, que não está mais à venda no Brasil, mas continua em outros mercados, as bitolas dianteiras/traseiras maiores junto dos balanços menores e do curto entre-eixos resultam em muitíssimo equilíbrio. A tração integral funciona sob demanda, ela pode enviar 100% dos 48,9 kgfm de torque a cada um dos eixos, enquanto a direção é extremamente precisa. Uma boa solução foi empregar pneus dianteiros maiores que os traseiros. As medidas dos frontais são 255/30 R19, enquanto atrás de 235/35 R19 . Isso impede que o carro apresente um comportamento subesterçante nas saídas de curvas feitas com mais apetite. Para conter todo o ímpeto os freios utilizam discos frontais de 370 mm de diâmetro e traseiros de 310 mm.

Preço sugerido Audi RS3 Sedan
Veloz e empolgante, o RS3 Sedan está à venda no Brasil por R$ 329.990 – o mesmo preço do irmão RS3 Sportback. De série, traz bancos esportivos do tipo concha em couro, quadro de instrumentos totalmente digital, central multimídia com sistema de som Bang&Olufsen, duas entradas USB, volante multifuncional com base achatada e aletas para trocas sequenciais, airbags frontais, laterais e de cortina, sensores de chuva e crepuscular, isofix para fixação de cadeirinhas infantis, pedaleiras de alumínio, ar-condicionado de duas zonas, chave presencial, teto solar elétrico, controle de largada, sistema start-stop e freio de estacionamento elétrico. No final das contas, um grande atributo do RS3 Sedan é de mesclar uma personalidade intempestiva e dócil. Ou seja, bom de andar diariamente e de quebra permitir estripulias, como em provas de track day aos finais de semana.


 

 

Newsletter

Newsletter

Quer ficar por dentro das noticias da Revista Carro em primeira mão?

Receba grátis!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This