David Powels deixa o comando da VW do Brasil

GUSTAVO DE SÁ
de São Paulo (SP)
09/10/2017 14:21

Após dois anos e nove meses à frente da Volkswagen brasileira, o sul-africano David Powels deixa o cargo de presidente e CEO da Volkswagen do Brasil e América Latina para assumir nova posição de liderança na Saic Volkswagen, joint-venture do grupo automotivo com sede em Xangai, na China. Em seu lugar, assume o argentino Pablo Di Si, ex-presidente e CEO da Volkswagen Argentina.

Powels ocupava o cargo de comando da Volkswagen do Brasil desde 1º de janeiro de 2015. Em outubro de 2016, também passou a ter a responsabilidade pela região que engloba 29 países da América do Sul, América Central e Caribe.

David Powels deixa o cargo no Brasil para assumir posição de liderança na China

O executivo  foi o responsável por liderar a estratégia de renovação do portfólio de produtos da empresa, que começou com o lançamento do novo Polo neste mês. Powels também articulou a ampliação na participação em vendas na região da América Latina, com alta das exportações a partir do Brasil.

Novo presidente e CEO

O sucessor de Powels, Pablo Di Si, iniciou sua carreira no Grupo Volkswagen em 2014. Anteriormente, ocupou posições-chave nas áreas de Finanças e Desenvolvimento de Negócios da FCA nos Estados Unidos e no Brasil, onde viveu por 11 anos.

Em 2017, completou o CEO Global Program na Wharton, IESE and CEIBS Business School, nos EUA. Graduado pela Harvard Business School, tem MBA Executivo de International Management pela Thunderbird, School of Management (2002).

 Formado em Contabilidade pela Northwestern University (1996), Pablo Di Si é também bacharel em Administração, com especialização em Finanças, pela Loyola University of Chicago (1994). O executivo foi eleito, em abril de 2017, presidente da AHK Argentina (Câmara de Indústria e Comércio Argentina – Alemanha).

O argentino Pablo Di Si é o novo presidente e CEO da Volkswagen do Brasil