Conceito I-Pace inaugura era elétrica da Jaguar

Motorpress
Da Redação, em São Paulo (SP)
17/11/2016 13:07

A Jaguar levou ao Salão de Los Angeles (Estados Unidos) o seu inédito estudo para um futuro veículo elétrico da companhia. Batizado de I-Pace, o conceito prevê um modelo de produção para o final de 2017 (mas que só deverá começar a ser vendido em 2018), com 405 cv de potência.

Jaguar I-Pace é o primeiro conceito elétrico da Jaguar

O Jaguar I-Pace estreia uma nova plataforma na companhia britânica, que permite redefinir o desenhos do futuros carros elétricos da marca, aproveitando melhor o espaço interno do veículo. O modelo é movido por uma bateria de íon-lítio de 90 kWh, capaz de abastecer o motor elétrico por até 354 km. O motor rende 405 cv de potência e 71,3 kgfm de torque. Segundo a fabricante, ele acelera de 0 a 100 km/h em apenas quatro segundos.   

Para contribuir com a eficiência energética, a Jaguar tratou de alcançar um coeficiente de arrasto de apenas 0.29 Cd, algo notável para um SUV. 

"Com o I-Pace, a revolução está no perfil do carro, não na abordagem do design. Não é que nós queríamos criar algo completamente diferente de tudo o que fazemos. Queríamos que o design celebrasse a nova tecnologia elétrica (da Jaguar)", definium Iam Callum, diretor de design da marca britância.

Modelo de produção inspirado no I-Pace deve chegar em 2018

De fato, o I-Pace se distingue do restante da gama da Jaguar. Somente a grade frontal o conecta aos outros modelos da marca. As linhas onduladas do capô, laterais e traseira, além de uma silhueta que mistura elementos de SUV e hatch, tornam o conceito um produto único no portfólio dos britânicos.